Home Novidades Notícias Corporativas Canon do Brasil anuncia parceria para o documentário ‘Duas Irmãs’

Canon do Brasil anuncia parceria para o documentário ‘Duas Irmãs’



A Canon do Brasil anuncia a parceria para a criação do documentário Duas Irmãs. Este filme, dirigido pelo cineasta e documentarista da natureza, Lawrence Wahba, e pelo fotógrafo de vida selvagem e documentarista, Mike Bueno, conta com a participação especial do diretor Emmanuel Priou, aclamado por seu trabalho no premiado filme “A Marcha dos Pinguins”. 

O documentário está sendo produzido pelas produtoras Duo2 e Bonne Pioche em parceria com os produtores Alexandre Soullier, Jefferson Pedace e Rafa Calil.

Sobre o Documentário ‘Duas Irmãs’

O documentário Duas Irmãs conta a história de duas irmãs Amber e Jaju que cresceram juntas, até que se separaram para viver suas vidas adultas num território que dominam cada centímetro. Mas esse reino está mudando e a vida fica cada dia mais difícil. Não é o mesmo Pantanal de suas infâncias. As chuvas são mais violentas. A estação seca é mais árida e longa. E os incêndios mais brutais. As duas irmãs têm que enfrentar o maior dos inimigos: as mudanças climáticas.

Tecnologia Canon em Ação



O filme será gravado com equipamentos da Canon e contará com as câmeras Cinema EOS C500 MarkII e a EOS C300 MarkIII.  Além disso, Lawrence Wahba vai utilizar a lente especial Cinema EOS ultra-teleobjetiva zoom CINE-SERVO 50-1000mm da Canon.

Podcast Exclusivo

Como parte da divulgação da parceria, haverá uma gravação especial do Canon Cast, o podcast da Canon, com Lawrence Wahba, Mike Bueno e Emmanuel Priou. 

“A Canon do Brasil se sente honrada de fazer parte desta jornada emocionante. Estamos felizes em oferecer produtos da nossa linha de Cinema&Broadcast da Canon para produções como esta”, afirma o responsável pela área de Cinema e Broadcast da Canon, Fabio Zuccaratto.

Canon do Brasil anuncia parceria para o documentário 'Duas Irmãs'



Previous articleAccrom Logística Internacional participa da feira Canton Fair, na China
Next articleSEE embala 90% dos laticínios mais premiados do país