Home Novidades Notícias Corporativas Dieta cetogênica atua como aliada no emagrecimento

Dieta cetogênica atua como aliada no emagrecimento

No Brasil, 56,8% da população está com excesso de peso, segundo estudo da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), no Rio Grande do Sul, feito em parceria com a Vital Strategies, uma organização global de saúde pública. A situação faz com que muitos indivíduos adotem mudanças alimentares ‒ entre elas, a dieta cetogênica.

Nessa dieta, há restrição de ingestão de carboidratos e, por outro lado, aumento de gordura e proteínas. Os dois últimos podem dar a entender que a pessoa irá consumir mais bacon, ovos e frituras, mas ocorre justamente o contrário, com a inclusão de pratos balanceados. É o que explica Vanessa Machado, nutricionista parceira da marca Konjac Massa MF, empresa especializada em alimentos saudáveis à base de fibra solúvel de origem vegetal.

“Quando se trata de alimentação cetogênica limpa, trabalhamos com alimentos bem comuns do dia a dia de todos: abacate, azeite de oliva, óleo de coco, oleaginosas, além de carnes magras e legumes que são fontes de fibras e vitaminas”, diz a profissional.

Machado afirma que o organismo transforma carboidrato em glicose, utilizada no corpo como fonte de energia. Com uma ingestão menor de arroz, macarrão, doces, açúcares em geral e frituras (isto é, alimentos com carboidratos), o organismo precisa buscar outra forma de repor a energia gasta diariamente.

“Nosso corpo é, então, induzido a entrar em um estado de cetose, ou seja, a escassez no fornecimento de carboidratos força o fígado a quebrar a gordura proveniente da alimentação e do tecido adiposo em ácidos graxos e corpos cetônicos para obtenção de energia”, acrescenta a nutricionista. 

Em resumo, com a dieta cetogênica feita de maneira correta, a fonte de energia vem da decomposição de gordura armazenada no corpo, o que leva ao emagrecimento. A especialista aponta ainda que a dieta cetogênica traz benefícios para pessoas com diabetes ‒ atuando no controle do nível de insulina no sangue ‒ e é usada no tratamento da epilepsia desde a década de 1920.



Mercado também se atenta ao desenvolvimento de produtos mais saudáveis

No contexto industrial, Thamara Gama, CEO da empresa KONJAC MASSA, aponta que, em sua análise, nos últimos anos houve uma evolução na indústria de alimentos. “Percebo que o mercado está mais receptivo ao desenvolvimento de produtos mais saudáveis, com baixo teor de carboidratos, redução de calorias, açúcar e sódio”.

De acordo com pesquisa realizada pela Ticket, por exemplo, desde a pandemia, 85% dos consumidores que comem fora de casa buscam opções mais saudáveis de alimentos. Além disso, o consumo de alimentos orgânicos cresceu 16% no Brasil no último ano, segundo levantamento do Instituto Organis.

“Para atender a essa demanda crescente do consumidor, o mercado alimentício tem produzido produtos mais saudáveis, que agregam o conceito de saúde e qualidade de vida”, explica Gama. “Nesse contexto, a indústria trabalha para desenvolver produtos com ingredientes mais limpos e saudáveis e com baixo teor de carboidratos, mas que também atenda a diversos padrões alimentares. Como por exemplo, a dieta cetogênica, que faz uso do conceito de Low Carb, termo de origem americana, mas que ficou conhecido entre a população para descrever alimentos com baixo teor de carboidrato”, complementa.

“Maior dos riscos é não procurar ajuda de um profissional”

Apesar disso tudo, Machado ressalta a importância de a pessoa buscar sempre orientação profissional antes de aderir à dieta cetogênica. Isto é, não basta apenas ler sobre o assunto e passar a restringir determinados alimentos por conta própria. 

É necessário, além do acompanhamento de um especialista, conciliar as mudanças alimentares com a prática de atividades físicas, consumo adequado de água, sono de qualidade e outros hábitos saudáveis, alerta a nutricionista.

“Como toda e qualquer dieta, é necessária uma avaliação para ter resultados eficazes. O maior dos riscos é não procurar ajuda de um profissional, pois esse tipo de estratégia mais rígida, quando não acompanhada de perto, pode levar à hipoglicemia, tonturas e também hipercolesterolemia [colesterol alto]”, esclarece. 

Para saber mais, basta acessar: https://konjacmassamf.com.br e @konjacmassa_mf no Instagram.

Dieta cetogênica atua como aliada no emagrecimento



Previous articlePropostas sobre mudanças no ITR tramitam no Congresso
Next articleCCO: tecnologia ajuda a monitorar sistemas de empresas