Home Novidades Notícias Corporativas Escolas se tornam ponto de coleta de doações para o RS

Escolas se tornam ponto de coleta de doações para o RS

Diante dos recentes impactos das enchentes que assolam o Rio Grande do Sul, as escolas se juntaram para ajudar os desamparados pelos alagamentos e se transformaram em pontos de coleta de doações. 

Como parte de suas iniciativas, o Elite Rede de Ensino, do Grupo Salta Educação, promove o projeto “Elite do Bem”, no qual os alunos são incentivados a contribuir com doações de alimentos e itens de higiene. As doações serão arrecadadas durante a Copa Elite, evento que promove atividades esportivas entre alunos e responsáveis, e que este ano vão ser destinadas aos desabrigados do Rio Grande do Sul. 

Na edição realizada no último final de semana, em Ponta Porã, por exemplo, foram arrecadados 60 quilos de alimentos e 11 litros de óleo, dos quais foram encaminhados para o Rio Grande do Sul e serão distribuídos nos pontos de coleta.

Além disso, todas as 52 unidades espalhadas pelo país, localizadas nos estados Rio de Janeiro, Distrito Federal, Goiás, São Paulo, Minas Gerais, Santa Catarina, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul e Paraná, estão atuando como pontos de coleta de doações. Os alunos, funcionários e comunidades locais são convidados a contribuir com alimentos não perecíveis, itens de higiene pessoal e outros suprimentos essenciais para auxiliar as famílias em situação de vulnerabilidade no Rio Grande do Sul.



O que pode doar:

Alimentos não perecíveis: arroz, feijão, massa, farinhas, azeite, açúcar, etc.

Alimentos prontos: água potável, barra de cereais, café solúvel, leite, bolacha, pão, bebidas prontas sem necessidade de refrigeração, geleia, manteiga e assemelhados.

Higiene pessoal: sabonete, pasta e escova de dentes, fraldas e absorventes.

Material de limpeza: esfregões, água sanitária, vassouras, panos.

Roupa de cama e banho: lençol, cobertores, mantas e toalhas. Além de colchões novos ou em boas condições. 

Alimento para animais: Ração para gatos e cachorros. 

O Governo Gaúcho também ativou um canal de doações para a conta SOS Rio Grande do Sul. Foi restabelecida a chave Pix (CNPJ: 92.958.800/0001-38), vinculada à conta bancária aberta pelo Banrisul. As contribuições em dinheiro podem ser feitas por pessoas físicas e jurídicas que tenham condições de ajudar as vítimas das enchentes.

Escolas se tornam ponto de coleta de doações para o RS



Previous articleSustentabilidade fiscal no Brasil se torna um desafio
Next articleTrainee da Magnum Tires abre vagas com salário de R$ 6 mil