Home Novidades Notícias Corporativas IFRC lança mecanismo financeiro inovador para transformar a resposta a desastres

IFRC lança mecanismo financeiro inovador para transformar a resposta a desastres

A Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho (IFRC), em colaboração com a empresa global de serviços profissionais Aon, com o Lloyd’s Disaster Risk Facility e com o Centre for Disaster Protection, anunciou uma abordagem pioneira para a resposta a desastres. O mecanismo inovador de transferência de riscos garantirá a disponibilidade de apoio rápido e ágil quando ocorrer um desastre. Essa ferramenta fornece um apoio para o Fundo de Emergência de Resposta a Desastres da IFRC (DREF).

Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: https://www.businesswire.com/news/home/20230906583225/pt/

The International Federation of Red Cross and Red Crescent Societies (IFRC) launches a groundbreaking financial mechanism to transform disaster response. (Photo: Business Wire)

The International Federation of Red Cross and Red Crescent Societies (IFRC) launches a groundbreaking financial mechanism to transform disaster response. (Photo: Business Wire)

Financiamento de emergência sempre disponível quando necessário

O DREF provou ser a forma mais simples, rápido, transparente e localizado para as Sociedades Nacionais membros da IFRC acessarem a financiamento de emergência internacional confiável e de curto prazo para ação comunitária em todos os tipos de catástrofes, quando as necessidades ultrapassam os recursos disponíveis a nível nacional. O novo apoio de seguros será uma válvula de segurança crítica para o trabalho de salvamento de vidas do DREF, garantindo que o DREF possa continuar a satisfazer as necessidades de hoje, ao mesmo tempo que se mantém preparado para as crises de amanhã.



A ambição da IFRC é aumentar o fundo a cada ano para atingir 100 milhões de francos suíços em 20251. Atualmente, há um aumento alarmante de emergências de pequena e média escala, e o financiamento pode nem sempre estar disponível quando necessário. A nova ferramenta de seguro fornece ao DREF um financiamento de contingência de até 20 milhões de francos suíços. Basicamente, quando o financiamento alocado do DREF para riscos naturais atingir 33 milhões de francos suíços, o resseguro é acionado para repor as reservas do DREF.

Ao transferir o risco das combalidas contas públicas para o setor privado, o DREF agora pode responder de forma mais flexível e eficaz, com o potencial de alcançar um adicional de 6 milhões de pessoas vulneráveis a cada ano. O resseguro atua como uma rede de segurança para o DREF, garantindo que fundos extras estejam disponíveis e prontos para fornecer ajuda às comunidades vulneráveis, mesmo durante períodos de aumento da demanda.

Parcerias pioneiras

A Aon e o Lloyd’s Disaster Risk Facility desenvolveram em conjunto o mecanismo de seguro e conceberam uma estrutura única com base nos 40 anos de experiência do DREF no apoio às Sociedades Nacionais membros da IFRC no mundo inteiro. É importante ressaltar que isto foi alcançado sem forçar quaisquer alterações no atual processo operacional do DREF.

O seguro da DREF é apoiado por doadores internacionais, incluindo: o Escritório de Relações Exteriores, Commonwealth e Desenvolvimento (FCDO) do Reino Unido; a Cruz Vermelha Britânica e a Cruz Vermelha Dinamarquesa; e o setor privado. O seguro do DREF também é cofinanciado pelo InsuResilience Solutions Fund (ISF) para apoiar o financiamento de prêmios de seguro e o desenvolvimento de produtos. O escritório de advocacia global Reed Smith prestou consultoria jurídicaàIFRC, com o apoio do escritório de advocacia suíço Lenz & Staehelin e do escritório de advocacia especializado em offshore Ogier.

A parceria resultou em um produto de resseguro completamente novo, mas replicável e escalável, que:

  • É feito sob medida para o DREF e modelado com base em seu desempenho histórico real

  • Utiliza dados publicados publicamente, apoiando a transparência e a responsabilidade da abordagem

  • É, pela primeira vez, um modelo de resseguro baseado em indenização que foi desenvolvido em um contexto de Financiamento de Risco de Desastres Humanitários

  • Foi concebido para fazer uso de mercados comerciais de resseguro contra catástrofes bem estabelecidos, reduzindo o custo e melhorando a escalabilidade (permitindo que seja usado em outros contextos humanitários)

  • Foi continuamente examinado e submetido a uma avaliação independente antes de garantir sua aplicabilidade

A capacidade para o acordo de resseguro foi oferecida pelos três membros fundadores do Lloyd’s Disaster Risk Facility com sede em Londres, liderados pela Hiscox, juntamente com a Chaucer e a RenaissanceRe, com a Fidelis MGU completando a colocação como único representante do mercado das Bermudas.

Para obter mais informações e ver o comunicadoàimprensa na íntegra, acesse https://www.ifrc.org/press-release/ifrc-launches-groundbreaking-financial-mechanism-transform-disaster-response

Notas aos editores

A Aon UK Limited é autorizada e regulamentada pela Autoridade de Conduta Financeira para a prestação de produtos e serviços regulamentados no Reino Unido. Registrada na Inglaterra e no País de Gales. Número de registro: 00210725. Sede registrada: The Aon Centre, The Leadenhall Building, 122 Leadenhall Street, Londres EC3V 4AN. Tel: 020 7623 5500. O FP#13103 foi aprovado até 5de setembro de 2025, após o qual o conteúdo não deve ser usado ou distribuído.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

IFRC lança mecanismo financeiro inovador para transformar a resposta a desastres

Contato:

Para perguntas da imprensa, entre em contato:media@ifrc.org

Fonte: BUSINESS WIREIFRC lança mecanismo financeiro inovador para transformar a resposta a desastres



Previous articleThe Asahi Glass Foundation anuncia os resultados do 32º “Questionário Anual sobre Problemas Ambientais e a Sobrevivência da Humanidade”
Next articleAutor remonta cenário do Brasil Imperial em romance de época