Home Novidades Notícias Corporativas Investimento em marketing de influência deve crescer em 2024

Investimento em marketing de influência deve crescer em 2024

Segundo levantamento realizado pela plataforma brasileira Influency.me e divulgado pelo portal Meio & Mensagem, mais da metade dos 300 respondentes, entre influenciadores, agências, assessores e marcas, pretende aumentar o investimento em marketing de influência em 2024. 

A modalidade tem por objetivo, basicamente, utilizar a imagem de um influenciador para gerar publicidade para a marca, atrelando sua imagem à organização em questão. De acordo com o estudo citado anteriormente, a humanização, branding e confiança do público-alvo são alguns dos fatores que fazem com que as empresas escolham o marketing de influência como estratégia.  

Atenta a esse cenário, a empresa de acessórios de tecnologia OEX fechou uma collab com o influenciador Enaldinho, que acumula mais de 6 milhões de seguidores somente no Instagram. “A parceria com Enaldinho tem sido positiva para nossa empresa. Sua autenticidade, alcance e envolvimento com a audiência têm contribuído para promover nossa marca”, pontua Marcelo Sztajn, diretor executivo. “A colaboração fortaleceu a visibilidade da nossa empresa. Estamos satisfeitos com os resultados dessa parceria e ansiosos para continuar construindo juntos uma conexão com nosso público-alvo”, completa. 

Marcelo ressalta que, no contexto em que o uso de influenciadores tem sido cada vez mais comum entre as marcas, “o marketing de influência torna-se altamente importante no mercado brasileiro, devido à forte presença nas mídias sociais e confiança nas figuras públicas”. 

Uma pesquisa elaborada pela Cupom Válido com dados da plataforma Statista e HootSuite, revelou que mais de 43% dos consumidores brasileiros já realizaram um compra com base na recomendação de um influenciador ou celebridade, colocando o país em primeiro lugar no ranking que revela os locais onde os influenciadores mais possuem relevância na decisão de compra. 



“Essa estratégia permite que as marcas se conectem autenticamente com públicos específicos, gerando credibilidade, conversas e impacto significativo nas vendas”, afirma Marcelo. 

Em matéria divulgada pela Jovem Pan, é possível constatar que as expectativas para o ano de 2024 são positivas. Estudo feito pela Nielsen aponta que mais de 80% das empresas pretendem investir ao menos R$ 1 milhão em estratégias relacionadas ao marketing de influência. “A diversidade cultural, engajamento online crescente, humanização das marcas e capacidade de alcance rápido são os principais fatores que tornam o marketing de influência tão relevante no momento”, analisa Marcelo. 

Website: http://www.oexbrasil.com.br 

Investimento em marketing de influência deve crescer em 2024



Previous articleUsina solar em deserto chinês gerará 540 milhões de kWh/ano
Next articleEmergent Cold LatAm conclui aquisição no Rio de Janeiro