Home Novidades Notícias Corporativas Sodré Santoro promove leilão de itens do Estádio MorumBIS

Sodré Santoro promove leilão de itens do Estádio MorumBIS

A Sodré Santoro Leilões promove um leilão histórico das letras e escudos da antiga fachada do Estádio MorumBIS – São Paulo Futebol Clube.  Em dezembro de 2023, o clube, em parceria com a Mondelez, oficializou a venda do naming rights do estádio Cícero Pompeo de Toledo (Morumbi) para MorumBIS. Como parte dessa transformação, a fachada do estádio foi renovada, passando a se chamar MorumBIS. 

É uma oportunidade para fãs e colecionadores adquirirem as letras que compõem o nome “São Paulo Futebol Clube”, bem como dois dos emblemáticos escudos do clube. Serão leiloadas as 20 letras da fachada e os 2 escudos que representam a tradição e o legado do time.

O leilão já está em andamento, com lances iniciais a partir de R$ 1.500,00. Os interessados devem se cadastrar através do site oficial “leilaomorumbis.sodresantoro.com.br”, onde podem encontrar o edital completo e as condições de venda. O encerramento está marcado para o dia 07 de março, quinta-feira, às 19h, sob o comando das Leiloeiras Oficiais Mariana Lauro Sodré Santoro Batochio e Carolina Lauro Sodré Santoro.

Os recursos arrecadados com o leilão serão destinados a projetos do Fundo Social de São Paulo, uma iniciativa que, desde 1968, visa transformar vidas através da qualificação profissional, proporcionando autonomia e independência financeira.

“Este leilão, além de sua causa beneficente, é uma celebração da paixão, da história e do orgulho que envolvem o São Paulo Futebol Clube. Convidamos todos os interessados a se unirem a nós neste momento e fazerem parte da história do clube”, afirma a Leiloeira Oficial, Mariana Lauro Sodré Santoro Batochio.



Para mais informações sobre o leilão e como participar, basta acessar: leilaomorumbis.sodresantoro.com.br  /  https://www.sodresantoro.com.br/

Sodré Santoro promove leilão de itens do Estádio MorumBIS



Previous articleG2 Risk Solutions e Mastercard combinam IA e conhecimentos comerciais para detecção superior de lavagem de transações
Next articleMundo precisa de 80 milhões de km em rede elétrica até 2040